segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Boo!

foto: Rob Sheridan

Hoje, meu povo, é Halloween! E por mais que os nacionalistas mais fervorosos não fiquem muito felizes com isso, não adianta espernear... o Dia das Bruxas já é uma realidade no Brasil. Como vocês sabem, nós não nos importamos nem um pouquinho em ter mais um motivo pra fazer festa e estamos adorando o clima assombrado ;-) 
Por algum motivo (alguém sabe qual é?), o fim de outubro e o início de novembro giram em torno dos seres do além. Daqui a pouquinho temos o dia de Finados aqui em terras brasileiras, mas apesar de provavelmente sermos o povo mais farrista do mundo, não rola uma festinha de nada. Vovó até contava que na época dela nem se ligava o rádio ou a televisão em respeito aos falecidos. Finados é um dia tristinho, tristinho, feito pra doer o coração de saudade daqueles que já partiram. E aí você deve pensar: mas lógico que não se faz festa num dia desses, né? Onde já se viu festejar os mortos?
Todo ano se vê festejos no México, ora! O "Dia de los Muertos", por incrível que pareça, é o feriado mais animado da terra do sombrero. O negócio lá é quase um carnaval! Cultura é uma coisa engraçada, né? Pra gente é superesquisito fazer uma festança em torno da... morte. Pra eles deve ser estranhíssimo ver a gente chorando e desligando eletrodomésticos pelos falecidos. 
Celebrando ou chorando baixinho, de uma coisa a gente tem certeza: essa coisa toda de falar de gente que morreu começa a arrepiar os pelinhos da nuca de medo de alma penada, né não? E como estamos no clima "bruxa má", vamos deixar vocês mais arrepiados ainda com uma dica de leitura danada de assustadora: Contos macabros. Uma compilação com 13 contos absolutamente apavorantes de autores clássicos da literatura brasileira.
Eu sei que "autores clássicos da literatura brasileira" já assustam naturalmente e não no bom sentido. Mas confiem na gente aqui e descubram que literatura clássica nacional pode ser muito bacana. E muito assombrada também!

Nenhum comentário: